9 de jun de 2007

Nota explicativa

Lendo o estranho texto que escrevi hoje (e considerando que o publiquei), procurei numa de minhas manias, a Astrologia, um modo de explicar, ao leitor e a mim mesmo, o caráter errático deste blog. Antes, porém, dois esclarecimentos:

1° Não sou um astrológo profissional, o que equivale dizer que considero a Astrologia a partir de um ponto de vista absolutamente pessoal e frequentemente discordante das práticas e idéias dos profissionais da área (eis porque a considero uma mania);

2° Esqueça, por favor, o horóscopo de jornal! Astrologia é a interpretação dos ritmos cíclicos da vida e, como tal, realmente funciona, ainda que ninguém tenha sabido até hoje explicar como
(eis porque a utilizo).

Pois bem: descobri que Marte, o planeta que rege a violência e as iniciativas, progredindo* colocou-se próximo à posição ocupada por Mercúrio (escritos) e Júpiter (exagero) na 11ª casa (amigos distantes) de minha carta de nascimento. Faz-me lembrar de uma imagem mitológica: Ares (o mesmo deus grego que os romanos chamavam de Marte), ao ouvir os sons de uma batalha fossem onde fossem, era visto cair do céu para tomar parte no massacre; o que era temido por todos os guerreiros pois, em sua sanha assassina, o deus não tomava partido nenhum, chacinando combatentes de ambos os lados com igual entusiasmo!

Sob esse augúrio nasceu este blog. Salve-se, quem puder!


*Progressão secundária: método de previsão de condições e tendências da personalidade.

2 contrapontos:

vera maya disse...

Amnésico,

Essa carta astral do seu blog, aliado ao seu gêmeos de ascendente(é isso,nao??)....realmentemente...!

rsrsrsr

Vida Longa!!!!

Sucesso!!>

Bjaum

<...***

o amnésico disse...

Escrito nas estrelas?!

;)

Bjo!